7 estratégias práticas para melhorar o desempenho dos alunos

Tempo de leitura: 7 minutos

A qualidade do ensino oferecido pela sua escola interfere diretamente no desempenho dos alunos. Isso significa que, para ser referência e ganhar destaque na região na qual sua instituição está inserida — e, até mesmo, em território nacional — é preciso contar com alunos comprometidos e que gerem resultados significativos nas formas tradicionais de avaliação.

Gestão escolar: Conheça os segredos para o sucesso da sua instituição de ensino

7 estratégias práticas para melhorar o desempenho dos alunos

Cumprir esse objetivo só é possível quando você investe em estratégias eficientes de ensino para melhorar o desempenho dos alunos. A partir disso, descubra agora 7 formas de investir no processo de ensino e aprendizagem da sua instituição e contar com alunos de qualidade na escola!

1. Mensure o desempenho dos estudantes periodicamente

Para criar estratégias que melhorem o desempenho dos alunos é importante entender qual a realidade dos discentes hoje e acompanhar os resultados ao longo do tempo. Portanto, crie estratégias eficientes para medir o desempenho dos alunos, tanto antes quanto depois de implementar as mudanças.

Você pode aplicar testes, provas ou solicitar trabalhos, por exemplo. Invista também em formas de monitorar o desempenho que fogem do tradicional, como games online e concursos.

Além disso, você pode combinar metodologias de autoavaliação com ferramentas tradicionais para auxiliar os estudantes a desenvolverem metacognição. Estudos indicam que esse senso crítico sobre o próprio desempenho pode potencializar os resultados em sala de aula.

desempenho dos alunos

2. Faça pesquisas com os alunos e defina metas

Antes de implementar novas estratégias para melhorar o desempenho dos alunos, converse com os estudantes sobre aperfeiçoamentos que podem ser feitos dentro e fora da sala de aula. Afinal, existem diversas variáveis que se relacionam com os resultados dos alunos, e uma delas é a motivação das crianças e adolescentes para aprender.

Portanto, é essencial que eles percebam as transformações da escola como algo positivo e que se sintam parte do processo, o que aumenta o engajamento em sala de aula.

Exponha as ideias da escola para os alunos e estimule o feedback dos estudantes. Colete sugestões e incentive a participação dos discentes no processo. Você pode se surpreender com os resultados que essa ação gera no ambiente escolar.

Dessa forma, sabendo qual a realidade atual da escola, é possível criar uma meta de desempenho dos alunos para nortear as práticas educacionais. Essa estratégia faz com que toda a sua equipe ganhe clareza sobre os objetivos que devem ser atingidos e, com isso, se engaje em práticas mais eficientes para melhorar os resultados dos estudantes.

3. Invista em práticas de ensino inovadoras

Carteiras organizadas em fila, uma atrás da outra, e professores ministrando aulas expositivas na frente da sala de aula — às vezes até em cima de um tablado. Essa é a realidade da sua instituição? Então saiba que já passou da hora de mudar!

A sala de aula tradicional não se adequa às necessidades e desejos das gerações que estão nascendo nos últimos anos. Dessa forma, é essencial investir em práticas de ensino inovadoras para melhorar o desempenho dos alunos.

Mude o ambiente físico da sala de aula. Além disso, coloque o aluno como protagonista do processo de aprendizagem e invista na cooperação entre os colegas para potencializar os resultados dos estudantes. Permita também que eles coloquem a mão na massa e dê atividades que coloquem em prática os conhecimentos adquiridos na sala de aula.

4. Capacite a sua equipe docente

Os professores são os principais responsáveis pelo processo de ensino e aprendizagem na sua escola e, com isso, interferem o desempenho dos alunos. Portanto, para ter estudantes que geram resultados significativos, é essencial contar com uma equipe docente de ponta e capacitada para potencializar a aprendizagem das crianças e adolescentes.

Invista na capacitação dos professores da sua escola. É importante lembrar que o processo de qualificação da equipe não se resume a aprofundar o conhecimento teórico dos docentes no conteúdo que eles ministram em sala de aula. O treinamento deve desenvolver também habilidades e técnicas de didática e para promoção do engajamento e motivação dos estudantes.

5. Melhore a comunicação entre pais, responsáveis, alunos e escola

Os pais e responsáveis também têm um papel fundamental nos resultados da crianças e adolescentes da sua instituição. Portanto, abra os canais de comunicação com essas pessoas e leve-os para dentro da escola, criando uma relação de parceria.

Promova eventos que incluam pais, professores e equipe administrativa da escola. Também realize reuniões periódicas para atualizar os responsáveis sobre as práticas e metodologias da sala de aula da sua escola e desempenho das crianças e adolescentes.

Quanto mais envolvidos, maior é a probabilidade de eles atuarem como parceiros da escola na promoção da aprendizagem, melhorando o desempenho dos alunos da instituição.

Crie grêmios, torneios esportivos, competições científicas e outras atividades que ajudem os alunos a se envolverem mais com a escola, dentro e fora da sala de aula. Com isso, você aumenta a motivação e engajamento dos estudantes, potencializando os seus resultados e melhorando o desempenho.

6. Utilize a tecnologia a seu favor

Não se esqueça de utilizar a tecnologia como uma grande aliada no processo de ensino e aprendizagem. Na era digital, os estudantes estão cada vez mais conectados, sendo que as ferramentas tecnológicas fazem parte da rotina dos alunos desde muito cedo.

Portanto, levar a tecnologia para a sala de aula faz com que o processo de aprendizagem fique mais próximo da realidade dos alunos. Isso potencializa o ensino da sua instituição e melhora o desempenho dos alunos.

7. Ensine os alunos a estudar

Muitos alunos gostariam de melhorar o seu desempenho em sala de aula. Porém, cada um tem uma forma diferente de aprender e é difícil identificar isso sozinho.

Portanto, uma boa estratégia para potencializar os resultados dos estudantes é criar atividades que ensinem os alunos a entender qual a melhor forma de aprender para cada um deles e aplicar metodologias de estudo eficientes para o desenvolvimento e aprendizagem. Dessa forma, eles podem atuar como protagonistas da própria educação e melhoram o desempenho como um todo.

Com essas estratégias simples, você é capaz de melhorar o desempenho dos alunos da sua instituição em sala de aula. Dessa forma, você potencializa o desenvolvimento das crianças e adolescentes e aumenta o reconhecimento da marca da sua escola perante a sociedade, se destacando no mercado. Essa estratégia ajuda a atrair e fidelizar os alunos e potencializa os resultados da sua instituição como um todo.

Se você gostou deste artigo, aproveite para compartilhar esse texto nas suas redes sociais e auxilie mais instituições a desenvolverem as novas gerações do nosso país!

desempenho dos alunos

Assine a newsletter do Proesc

Se essas informações foram úteis para você, assine a newsletter do Proesc e receba conteúdos, dicas e novidades do mundo educacional!

LEITURAS RECOMENDADAS:

Entenda as características de uma gestão escolar de qualidade

Como motivar professores desmotivados?

Qual o papel do coordenador pedagógico na escola? Entenda agora!

Aproveite e curta também o nosso Facebook, siga-nos no Twitter e no Instagram e acompanhe nosso canal no Youtube!

Para curtir o Proesc no Facebook, é só clicar no botão Like Page a seguir.

O que achou desse conteúdo? Deixe seu comentário